Saiba como adiar o envelhecimento

O envelhecimento é um processo natural e irreversível, porém, a ciência vem tentando desenvolver novas tecnologias para rejuvenescer o corpo por meio de experiências com células-tronco e já reconheceu que a glicação é o processo que mais acelera o envelhecimento e, nesse sentido, já podemos prevenir muitos dos seus efeitos nocivos.
A glicação ocorre quando uma molécula de glicose (açúcar) adere a uma molécula de proteína, sem contar com a atuação de enzimas. Essas proteínas, quando modificadas, ficam rígidas e impedem que as células desempenhem seus papéis com eficiência.No final desse processo são produzidos os AGEs -Advanced Glycation end Products (Produtos Finais da Glicação Avançada), substâncias responsáveis pela aceleração do envelhecimento.
As rugas, por exemplo, são formadas no processo de glicação na pele. Uma inflamação é produzida no momento em que o açúcar adere à proteína do colágeno e essa inflamação é a responsável pela desestruturação do colágeno que era macio e flexível no início ficando rígido no final do processo.
Além de ocorrer na pele, a glicação acontece também em outros sistemas do corpo ocasionando patologias, tais como a aterosclerose, catarata e doenças degenerativas como o diabetes, Alzheimer e câncer.
Os AGEs se acumulam lentamente à medida que envelhecemos e podem ser produzidos dentro do corpo (endógenos) ou fora do corpo (exógenos). A produção de AGEs endógena ocorre quando ingerimos açúcar e alimentos que se convertem rapidamente em açúcar. É fácil concluir, então, que o excesso de açúcar circulando na corrente sanguínea colabora para uma maior produção de AGEs.
Além dos AGEs produzidos dentro do corpo ainda consumimos AGEs já prontos que se encontram em alguns alimentos ou que se formam no preparo deles e aproximadamente 10% dos AGEs ingeridos com a dieta são absorvidos pelo organismo.

1 – AGE E OS ALIMENTOS:
Glicação é uma reação de douramento, portanto, quando douramos em excesso os alimentos estamos criando AGEs. É recomendado, então, optar pelos alimentos em sua forma mais natural.
As principais fontes de AGEs são todos os alimentos cozidos a altas temperaturas; alimentos cozidos a baixas temperaturas por períodos longos e sem líquidos; carnes na brasa; carnes assadas no fogo; aves assadas com a pele; alimentos fritos; sementes assadas ou torradas; alimentos assados na cor caramelo; lanches ou alimentos prontos; fast-foods; café, pois os grãos são torrados até escurecer; todos os tipos de refrigerantes; carnes processadas como salsicha e bacon; alimentos ricos em gorduras trans ou saturadas; alimentos tostados e queimados; alimentos passados na farinha.
Os maiores níveis de AGEs são encontrados em carnes, ricas em proteínas e gorduras saturadas. No preparo delas, o acréscimo de líquidos ao cozimento reduz a formação dos AGEs.
Os alimentos ricos em ômega-3 como salmão, truta e sardinha destacam-se por não conterem e nem produzirem AGEs. Estudos comprovaram que o feijão, lentilhas, ervilhas, grãos integrais como a aveia, cevada e a quinoa, chá verde, açafrão, canela e o alho são grandes aliados contra a formação de AGEs.

2 – AGE E A EXPOSIÇÃO EXCESSIVA AO SOL:
A exposição ao sol acelera o processo de glicação e as proteínas modificadas pela glicação sensibilizam concomitantemente o DNA. Sendo assim, tanto os banhos de sol quanto o bronzeamento artificial aceleram o envelhecimento da pele e aumentam o risco de câncer de pele.
Deve-se evitar o sol no horário de pico, ou seja, das 10h às 16h e recomenda-se a utilização de óculos de sol, pois protegem os olhos dos raios ultravioletas e a delicada pele em torno dos olhos.

3 – AGE E O CIGARRO:
O cigarro é uma significativa fonte de AGEs e um importante fator de risco para várias doenças como as cardiovasculares devido ao endurecimento das artérias e isso ocorre tanto em fumantes ativos quanto em passivos. Além disso, o fumo leva ao aparecimento de rugas profundas e pele áspera.

4 – AGE E O ÁLCOOL:
Devido à produção de aldeídos, o excesso no consumo de álcool é muito destrutivo e é responsável pela formação de AGEs em todos os sistemas do corpo, principalmente no cérebro, aumentando o risco de doenças mentais como Alzheimer.

5 – AGE E O ESTRESSE:
O cortisol, hormônio liberado em resposta ao estresse, aumenta o nível de glicose no sangue acelerando a produção de AGEs.
O excesso de cortisol causa a morte das células cerebrais e pode também destruir o sistema imunológico, diminuir a massa muscular e acelerar o enrugamento da pele.

6 – AGE E A ATIVIDADE FÍSICA:
Um programa regular de exercícios físicos combinando os aeróbios com treinamento de força retarda a formação de AGEs porque melhoram a utilização da glicose pelo organismo, melhoram a sensibilidade à insulina e aumentam a massa muscular magra, além de prevenir doenças geradas pelos AGEs. No entanto, para ser benéfica, a atividade física não precisa ser extenuante.

7 – AGE E O RISCO DE DOENÇAS:

Apesar da irreversibilidade no processo de envelhecimento, a adoção de um estilo de vida saudável, como ter cuidados com a alimentação, praticar atividades físicas e controlar o estresse, ajuda a prevenir ou adiar o surgimento de algumas doenças e contribui para prolongar a aparência jovial.

Texto: Profa. e Personal Trainer Paula Cavalcante
São Paulo

Referências:
1 – Perricone, Nicholas – Rosto jovem, mente saudável. Elsevier Editora Ltda, 2009.
2 – Barbosa J. H. P. et al. O papel dos produtos finais da glicação avançada (AGEs) no desencadeamento das complicações vasculares do diabetes. Arq. Bras. Endocrinol. Metab., 2008; 52/6.

2 respostas em “Saiba como adiar o envelhecimento

  1. Muito interessante Andréa, só fiquei assustada com a glicação de alguns alimentos. Estou fazendo tudo errado então … rsss Bjs

  2. É concordo com a Silvana, é de assustar mesmo, melhor começar a tomar mais cuidado no preparo dos alimentos.Muito bom o artigo
    bj
    Nina

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s